Ferrari enfrenta primeira greve em vinte anos

Ana Luísa Marques (anamarques@mediafin.pt) para Jornal de NegóciosOn Line

A fábrica da Ferrari em Maranello, cidade situada na província de Modena ao norte de Itália, é conhecida por ser um dos melhores locais para trabalhar em toda a Europa. Mas hoje, a fábrica italiana é notícia por enfrentar a primeira greve em vinte anos.

Cerca de 80% dos 2.800 colaboradores da companhia criada em 1929 por Enzo Ferrari decidiu agendar para hoje uma greve e manifestar o seu desagrado com a gestão de Luca Cordero di Montezemolo, presidente da empresa desde 1991.

“Temos um sonho nos nossos corações – ver Luca Cordero a conduzir um trator”, ouvia-se à porta da fábrica esta manhã. Os trabalhadores afirmam que Maranello, onde são produzidos os modelos F430 e F59, começa a parecer com uma das fábricas da Fiat: demasiado massificada.

A fábrica de Maranello emprega 2.800 colaboradores, dos quais 800 engenheiros que produzem os carros para a Fórmula 1. No passado dia 2 de Maio, a fábrica da Ferrari foi eleita o melhor lugar para trabalhar em toda a Europa. Em 2003, o grupo Ferrari Maserati tinha sido escolhido o melhor local para trabalho na Itália.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s