Países ricos não cumprem promessas com África, afirma o Banco Mundial

mulleres_sudan

Os países ricos falham na hora de manter suas promessas de ajuda à África e na abertura de seus mercados às exportações deste continente, indicou o Banco Mundial antes da reunião do G8 desta semana.

A cúpula no balneário alemão de Heiligendamm reunirá os líderes dos países mais industrializados do mundo: Alemanha, Reino Unido, Canadá, França, Itália, Japão, Rússia e Estados Unidos.

Há dois anos, na cúpula de Gleneagles, Escócia, muito se falou da ajuda à África e o G8 se comprometeu a enviar uma ajuda anual de 50 bilhões de dólares até 2010.

Mas o Banco Mundial assegura em um comunicado divulgado no domingo que apesar das promessas, “a assistência estrangeira em vários países africanos permanece inalterada”.

“Vários países doadores aumentaram seu apoio à ajuda humanitária especial e à redução da dívida nas próximas quatro décadas, mas infelizmente isto não se traduz em recursos adicionais para reconstrução de infra-estruturas, treinamento de profissionais e combate ao HIV/Aids e à malária”, afirma John Page, economista-chefe do BM para a África.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s