Timor Leste quer criar bairros temporários para refugiados

Agência Lusa

dili

O governo do Timor Leste propõe a construção de bairros temporários em Díli e outras cidades próximas para melhorar as condições de vida dos refugiados da crise de 2006, anunciou o primeiro-ministro timorense Estanislau da Silva. A proposta foi feita após negociações para a reinstalação de um primeiro grupo no bairro de Becora, na capital do Timor.

Um ano depois da crise política e militar que resultou em 150 mil refugiados em todo o país, cerca de 20 mil pessoas continuam sem abrigo em Díli, segundo dados relativos a maio deste ano divulgados pelas agências humanitárias envolvidas na assistência a mais de vinte campos de refugiados da cidade.

“A solução pode ser, em alguns casos, bairros temporários onde o governo poderá assegurar às pessoas condições melhores do que as que têm agora nos campos”, afirmou Silva, em comunicado distribuído nesta quarta pelo seu gabinete.

“Estou satisfeito pela disponibilidade da população de Becora para receber de novo os refugiados que se encontram no Hospital Guido Valadares”, diz o comunicado.

O premiê timorense fez uma reunião na terça-feira com políticos de distritos da região de Díli em que participaram ainda o comandante da polícia das Nações Unidas (UNPol), comissário Rodolfo Tor, o comandante distrital da UNPol, subintendente Leitão da Silva, e o comandante interino da Polícia Nacional do Timor Leste (PNTL), Afonso de Jesus.

A reunião teve também a participação da ministra timorense das Obras Públicas, Odete Vítor, do ministro do Interior, Alcino Barris, e do ministro do Trabalho e da Reinserção Comunitária, Arsênio Bano.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s