Relator da ONU propõe reconhecimento ao "Direito de Asilo aos Refugiados da Fome"

Rádio Vaticano

jeanziegler

O relator da ONU para o Direito à Alimentação, o sociólogo suíço Jean Ziegler, propôs o reconhecimento do direito de asilo para os “refugiados da fome”, isto é, pessoas que, em todo o mundo, padecem de fome, por esta ou aquela razão.

A desnutrição grave e permanente disse Ziegler “é um fenômeno que se estende por todo o mundo”, e suas vítimas aumentam de 12 milhões, em apenas um ano. Segundo os dados mais recentes, esse estado de desnutrição crítica e crônica afeta 854 milhões de pessoas em todo o mundo (em 2005, esse número era de 842 milhões) o que representa um índice de um a cada seis habitantes do Planeta advertiu o especialista da ONU.

Ziegler disse que em 2006, a fome causou a morte de uma criança menor de 10 anos, a cada 5 segundos, e que, a cada quatro minutos, uma pessoa fica cega, em conseqüência de carência da vitamina “A”, num “Planeta cujos recursos podem alimentar normalmente isto é, com 2.700 calorias diárias 12 bilhões de pessoas, o que equivale a quase o dobro da população mundial.

O relator, que apresentou esta semana o seu informe anual ao Conselho de Direitos Humanos da ONU, reunido em Genebra, Suíça, até a próxima segunda-feira, ressaltou que as situações de fome “mais terríveis” ocorrem na região do Chifre da África, sobretudo na Somália, norte do Quênia e Eritréia, além da República Democrática do Congo e na região sudanesa de Darfur.

Frente a essas situações ulteriormente agravadas pelos conflitos e guerras Jean Ziegler propôs a elaboração de uma nova norma de Direito Internacional, que reconheça o direito de asilo ao “refugiado da fome”, impedindo sua repatriação forçada.

Ele explicou que a Convenção da ONU sobre os Refugiados, de 1951, reconhece o direito de asilo apenas àquelas pessoas perseguidas por razões políticas, étnicas e religiosas, e argumentou que a impossibilidade de alimentar-se deveria ser também uma causa legítima para buscar acolhida em outro país.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s