621/ António Costa ganha sem maioria

Do Jornal Digital

antoniocosta2 

Conforme previsto António Costa ganhou as eleições para a Câmara de Lisboa, sem maioria absoluta, elegendo seis dos 17 vereadores da autarquia, com 29,54% dos votos.

Numa votação marcada por uma abstenção de 62,61%, a mais elevada em eleições autárquicas na cidade, António Costa venceu com 29,5% o que lhe permitiu a eleição de seis vereadores, a três da maioria absoluta.

António Costa, que chegou acompanhado pelo secretário-geral do partido, José Sócrates, à sala do hotel lisboeta onde os socialistas tradicionalmente se concentram nas noites eleitorais, afirmou “Há 31 anos que o PS não ganhava, sem coligação, a presidência da Câmara de Lisboa”.

O independente Carmona Rodrigues, ex-presidente da CML, conseguiu três vereadores, com 16,70%. Carmona ficando à frente de Fernando Negrão, que atingiu 15,74%, embora elegendo também três vereadores.

A independente ex-socialista Helena Roseta, conseguiu dois vereadores, com 10,21 %, à frente da Coligação Democrática Unitária, liderada por Ruben de Carvalho e agregando o Partido Comunista Português e o Partido Ecologista ‘Os Verdes’, que obteve 9,53% e também dois postos na vereação.

José Sá Fernandes, do Bloco de Esquerda, ficou no sexto lugar, com 6,81% conseguindo a reeleição para o lugar de vereador, enquanto o democrata-cristão Telmo Correia não se re-elegeu, ficando com 3,70%, seguido por Garcia Pereira, do PCTP/MRPP que atingiu 1,59%.

As listas restantes ficaram abaixo de um por cento de votos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s