636/ Telecom Itália cede sua participação na Brasil Telecom

Do PortalExame

logo_Telecom%20Italia

Os fundos de pensão Previ, Petros e Funcef pagarão 515 milhões de dólares pela participação de 38% que a Telecom Italia possuía na Solpart, empresa que controlada indiretamente a operadora brasileira de telefonia Brasil Telecom.

A fatia dos italianos na Solpart era administrada pela Brasilco, trust sob responsabilidade do banco de investimentos Credit Suisse. O outro sócio da Telecom Italia na Solpart é a Techold Participações, com uma fatia de 62%. Essa empresa é controlada pela Invitel, sociedade composta pela Zain Participações, Previ e Fundo 14 de Previdência.

De acordo com o comunicado divulgado pela Telecom Italia nesta quinta-feira (19/7), o acordo “encerra as controvérsias que caracterizaram o investimento na Brasil Telecom e permitirão concentrar os esforços [da Telecom Italia] no reforço da presença no país, por meio da TIM Brasil”.

Entre os benefícios da operação, está uma redução estimada de 354 milhões de euros no endividamento da Telecom Italia. O impacto sobre o lucro líquido do grupo deverá ser de 195 milhões de euros. A conclusão da venda ainda depende de aprovação da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

De acordo com os especialistas, a saída dos italianos intensificará as negociações para a fusão da Brasil Telecom com a Oi (ex-Telemar). Para viabilizá-la, porém, é necessário mudar a legislação brasileira para o setor. A proposta conta com a simpatia do governo federal, que vê com bons olhos o surgimento de uma grande companhia nacional de telefonia.

A Brasil Telecom mantém serviços de telefonia fixa nas regiões Sul, Centro-Oeste e Norte. Após sua privatização, a empresa protagonizou uma das disputas societárias mais ferrenhas do capitalismo brasileiro. Aliado ao Citigroup, o banqueiro Daniel Dantas, do Opportunity, manteve inicialmente o controle da empresa, o que nunca foi aceito pela Telecom Italia.

Após anos de divergências públicas e até denúncias de espionagem, o Citi resolveu mudar de lado e aliar-se aos fundos, que tiraram Dantas do controle da empresa. Esse acordo deu aos fundos o direito de preferência de comprar as ações do Citi, mas por um valor acima das cotações de mercado. Não se sabe se esse direito será exercido.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s