898/ Acer compra Gateway e pressiona Lenovo no mercado de PCs

Do Invertia.br

acergateway

A taiwanesa Acer anunciou nesta segunda-feira a compra da norte-americana Gateway por US$ 710 milhões, iniciando a terceira maior fabricante mundial de computadores e dobrando sua presença nos Estados Unidos.

Ao mesmo tempo, o anúncio representa um golpe contra as ações na Europa da concorrente chinesa Lenovo, que se esforça para aumentar sua presença nessa região.

Isso porque a Gateway afirmou também nesta segunda-feira que exercerá direito de tentar a compra da controladora da fabricante européia de PCs Packard Bell.

A Lenovo tinha anunciado que mantinha negociação para comprar a Packard Bell, esperando expandir sua presença no mercado de consumo europeu, onde é relativamente fraca. Executivos da Packard Bell e da Lenovo recusaram-se a comentar a negociação.

A Acer anunciou que pagará US$ 1,90 por ação da Gateway, representando um prêmio de 57% sobre o último preço de fechamento da ação na sexta-feira. Após o anúncio de compra, as ações da Gateway disparavam mais de 49%, a US$ 1,81.

De acordo com a Acer, a fusão criará uma companhia com mais de US$ 15 bilhões em faturamento e vendas de 20 milhões de PCs por ano. A companhia acrescentou que a marca Gateway será mantida nos Estados Unidos.

Em termos mundiais, a negociação ajudará a Acer – marca taiwanesa de maior reconhecimento global – a bater a Lenovo na disputa pelo terceiro posto no ranking das fabricantes de PCs.

“Agora Lenovo e Acer vão competir cabeça a cabeça globalmente”, disse a analista do IDC Kitty Fok.

“E se a Acer conseguir adquirir tanto a Gateway como a Packard Bell, eles se manterão em terceiro lugar do mundo.”

A Lenovo, uma entre muitas empresas chinesas que tentam se firmar globalmente investindo no exterior, caiu para quarto lugar no mundo no primeiro trimestre deste ano, mas tem afirmado que recuperou o terceiro lugar da Acer numa disputa acirrada.

Porém, os últimos acontecimentos devem significar que a Lenovo, que comprou a divisão de PCs da IBM em 2005 por US$ 1,25 bilhão, terá de encontrar outras formas de ganhar espaço no mercado europeu, segundo analistas.

“A Lenovo terá de voltar a fazer o que fazia antes, que é construir seu próprios canais de distribuição. Essa será uma forma de conseguirem entrar no mercado europeu”, afirmou Jenny Lai, analista em Taiwan do CLSA.

Enquanto isso, o acordo com a Gateway deve ajudar a Acer a imediatamente dobrar sua participação de mercado nos Estados Unidos, combinando sua fatia de 5,2% com os 5,6% da rival adquirida, segundo dados de segundo trimestre apurados pela IDC.

De acordo com os resultados do ano passado, a combinação Acer/Gateway vendeu cerca de 18,6 milhões de PCs no mundo no ano passado, ficando com uma fatia global de aproximadamente 8%. A Dell, enquanto isso, vendeu 39,1 milhões de unidades no mesmo período, seguida pelos 38,8 milhões de PCs comercializados pela Hewlett-Packard. A Lenovo vendeu 16,6 milhões de máquinas em 2006, segundo a IDC.

A Packard Bell é uma empresa relativamente pequena no mercado, ficando na 18ª posição mundial, com vendas de 1 milhão de PCs em 2006.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s