928/ Linux na Amazônia

Do B2B Magazine

A população de Cruzeiro do Sul, no Acre, tem a sua disposição desde a última quarta-feira (29) cursos de Linux básico e outras atividades de informática.

As atividades são realizadas no Ponto de Presença do Gesac (Governo Eletrônico – Serviço de Atendimento ao Cidadão), do Ministério das Comunicações, instalado no 61º Batalhão de Infantaria e Selva, do Exército.

Os cursos estão sob a coordenação de uma unidade do Instituto Dom Moacyr: o Ceflora (Centro de Formação e Tecnologias da Floresta), localizado no Vale do Juruá acreano.

Cerca de 240 pessoas serão beneficiadas, por ano, com os cursos. O processo seletivo para a escolha dos alunos leva em consideração a renda familiar dos inscritos, favorecendo as pessoas com menor poder aquisitivo.

São 120 vagas para a sociedade civil e as outras 120 para os próprios militares. A carga horária dos cursos é de aproximadamente 80 horas e duram, em média, um mês.

“Essa nova parceria vai contribuir para ampliar ainda mais o trabalho de inclusão digital pelo Instituto na região que, desde 2006, já formou mais de mil pessoas nos municípios de Cruzeiro do Sul, Rodrigues Alves e Mâncio Lima”, afirma Rafael Galdini, coordenador-geral do Ceflora.

Para ampliar os benefícios à população, o Centro vai montar turmas de alunos da rede pública com deficiência visual e auditiva. Serão usados programas e equipamentos específicos para a aprendizagem dos alunos especiais.

Anúncios

Um comentário sobre “928/ Linux na Amazônia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s